Diagnóstico de apnéia do sono


O médico pode fazer uma avaliação com base em seus sinais e sintomas e pode encaminhá-lo para um centro em distúrbios do sono. Lá, um especialista pode ajudar a identificar a causa do problema. Para realizar o diagnóstico, o médico poderá submeter o paciente muitas vezes a uma avaliação noturna, a fim de monitorar a respiração e outras funções do corpo durante o sono. Este exame noturno chama-se Polissonografia.

Durante este teste, você dorme e permanece conectado a um equipamento que monitora as atividades do coração, pulmão e cérebro, além de identificar um padrão na respiração e nos movimentos dos braços e pernas. O aparelho também monitora os níveis de oxigênio no sangue.

-Tratamento de Apnéia do sono-

O principal objetivo do tratamento de apnéia do sono é manter as vias respiratórias abertas para que a respiração não seja interrompida durante o sono. Em casos leves, alguns pacientes podem usar aparelhos odontológicos na boca durante a noite para manter a mandíbula posicionada mais para frente e impedir o bloqueio das vias aéreas. Nos casos mais moderados a severos é necessário o uso de uma máscara de pressão positiva contínua nas vias aéreas (CPAP, na sigla em inglês). Esse aparelho joga ar na via respiratória, mantendo-a aberta.

As cirurgias podem ser uma opção em alguns casos. Isso pode envolver:

Cirurgias no nariz ou na cavidade óssea;

Cirurgia para remoção de amígdalas e adenóides pode curar a doença em crianças, mas ela nem sempre é eficaz em adultos

Atualmente, a inalação feita com CPAP é considerada um tratamento padrão e eficiente para a apnéia obstrutiva do sono na maioria das pessoas. E o melhor, pode ser realizado em casa. O CPAP é aplicado por uma máquina com uma máscara facial acoplada.

O tratamento para apnéia do sono pode e deve ser acompanhado de mudanças no estilo de vida. Elas podem aliviar os sintomas de algumas pessoas. Veja algumas dicas:

Evitar a ingestão de álcool e sedativos antes de dormir;

Evitar dormir de barriga para cima;

Perder peso;

Exercícios físicos;

Evitar tabagismo;

Reposição hormonal em mulheres na menopausa

Tratamento da obstrução nasal em pessoas com rinite

-Complicações possíveis:

Em razão da sonolência diurna, as pessoas com apnéia do sono apresentam um risco maior de sofrer acidentes de automóvel por dirigir com sono e acidentes de trabalho por adormecer em serviço.

Além disso, a apnéia obstrutiva do sono não tratada pode conduzir a (ou piorar) uma doença cardiovascular, como arritmias cardíacas, insuficiência cardíaca, hipertensão, infarto e AVC.

-A apnéia do sono pode levar à morte?

Usualmente, quando há risco de morte devido a apnéia, existe um despertar que impede o sufocamento. No entanto, a Síndrome de Apneia Obstrutiva do Sono pode levar a outras doenças que trazem potencial risco de morte como pressão alta, ataque cardíaco, arritmia do coração e derrame.

-Apnéia do sono tem cura?

Os sintomas da apnėia do sono costumam ser completamente corrigidos com o tratamento.

-Prevenção:

Qualquer pessoa pode desenvolver apnéia do sono, e muitas vezes não há como preveni-la. Em outros casos, no entanto, algumas medidas podem ser adotadas, como:

Perder excesso de peso;

Evitar o consumo exagerado de álcool;

Cessar o tabagismo;

Usar medicamentos apenas com orientação médica.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo